quinta-feira, 27 de outubro de 2016

PRIMA PROCURA POR QUIXABEIRENSE QUE ESTÁ DESAPARECIDO EM SÃO PAULO

O Quixabeirense Josevaldo Torres, de aproximadamente 30  anos, está desaparecido desde julho deste ano em São Paulo. Segundo postagem no Facebook de sua prima, Elisia Nascimento, ele saiu de Quixabeira-Ba, no mês de junho, com destino a casa de sua tia que reside na cidade de Bonito-Ba, o qual ficou alguns dias e seguiu para a residência da mãe na cidade de Bom Jesus da Lapa. Ainda em Bom Jesus da Lapa, Josevaldo conseguiu um emprego numa empresa de construção civil, que o levou para a cidade de Itaquaquecetuba, no Estado de São Paulo. Com apenas 30 dias de trabalho, ele foi  dispensado pela empresa. Daí no final de Julho ele  entrou em contato com a família, informando que estava desempregado e que a empresa não efetuou o pagamento combinado pelo único mês de trabalho. Na ligação, Josevaldo disse ainda que estava passando necessidades, sem ter onde ficar, com fome e frio, relatando ainda, que as pernas estavam entravando de tanto frio, e que estava vendo a hora de morrer na rua. Esta foi a última vez que ele falou com a família, pois, segunda sua prima, a família já tentou inúmeras vezes falar com ele ligando para o mesmo número ao qual ele ligou e o mesmo encontra-se sempre em caixa de mensagens. Qualquer informação sobre o paradeiro de Josevaldo, pode ser realizado através do número (71) 9 9631-2713.





GAROTO JOÃO PEDRO DE APENAS 14 ANOS REPRESENTA QUIXABEIRA NO PROTESTO EM FAVOR DA VAQUEJADA EM BRASÍLIA.

 Vaqueiros e trabalhadores de vaquejadas ocuparam a Esplanada dos Ministérios, na área central de Brasília, na manhã desta terça-feira (25) para protestar contra a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que tornou inconstitucional a prática do esporte no Estado da Ceará. De acordo com a Polícia Militar, 3 mil pessoas, com 410 caminhões, 1,2 mil cavalos, 53 ônibus e 114 carros participaram do ato.
Do território da Bacia do Jacuípe foram representantes de Nova Fátima, Gavião, Capela do Alto Alegre, Pintadas, Mairi, Baixa Grande e Capim Grosso e Quixabeira, que esteve representado pelo Garoto João Pedro, de apenas 14 anos, filho do vereador Ril de Beto. 
 


domingo, 23 de outubro de 2016

GRUPO DE CAPIM GROSSO E REGIÃO VIAJAM À BRASÍLIA PARA MOBILIZAÇÃO EM FAVOR DA VAQUEJADA.

Um grupo de aproximadamente 20 vaqueiros e amantes da vaquejada de Capim Grosso e região, saiu do Parque Capitão, no inicio da noite deste domingo(23) em direção a Brasília para participar do movimento "O grito do vaqueiro em Brasília", que reúne pessoas de vários estados em defesa da vaquejada. 
Vaqueiros e criadores de cavalos estão a caminho de Brasília (DF) para participar de uma mobilização nacional que deve acontecer na terça-feira, dia 25, na Esplanada dos Ministérios, a favor das vaquejadas. O movimento está previsto para começar às 8h
A mobilização será realizada como forma de protesto contra a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que considerou, no último dia 6, a vaquejada como crime ambiental de maus-tratos a animais e declarou inconstitucional lei estadual do Ceará que regulamentava a prática.

MOBILIZAÇÃO



O início do deslocamento das comitivas se dá a partir das 22h da noite da segunda-feira, 24, saindo do Parque Leão em direção à Esplanada dos Ministérios. A terça-feira, 25, em Brasília será toda dedicada ao movimento em Prol da Vaquejada Legal com início às 08h com a Missa do Vaqueiro. Em seguida haverá Ato Público em frente ao Congresso Nacional. Vaqueiros vestidos com trajes típicos e os manifestantes em geral receberão a benção na catedral de Brasília ao meio dia. Por volta das 17h os manifestantes retornarão ao Congresso Nacional para a grande cavalgada. Às 18h artistas vão interpretar a Ave Maria em homenagem aos Vaqueiros do Brasil e logo após artistas musicais se apresentam em apoio à Vaquejada Legal. O término das atividades está marcado para as 21h. Confirmaram
Anderson Lima, João Pedro e Junior Marrone
presenças os artistas: Mano Walter, Luan Esticado, Tony Guerra, Rita de Cássia, Sirano, Adelmário Coelho, Joãozinho Aboiador, Luizinho de Irauçuba, Delmiro Barros e a Banda Mastruz com Leite.

GRUPO DE CAPIM GROSSO E REGIÃO VIAJAM À BRASÍLIA PARA MOBILIZAÇÃO EM FAVOR DA VAQUEJADA.

Um grupo de aproximadamente 20 vaqueiros e amantes da vaquejada saiu de Capim Grosso, no inicio da noite deste domingo(23) em direção a Brasília para participar do movimento "O grito do vaqueiro em Brasília", que reúne pessoas de vários estados em defesa da vaquejada. 
Vaqueiros e criadores de cavalos estão a caminho de Brasília (DF) para participar de uma mobilização nacional que deve acontecer na terça-feira, dia 25, na Esplanada dos Ministérios, a favor das vaquejadas. O movimento está previsto para começar às 8h
A mobilização será realizada como forma de protesto contra a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que considerou, no último dia 6, a vaquejada como crime ambiental de maus-tratos a animais e declarou inconstitucional lei estadual do Ceará que regulamentava a prática.

MOBILIZAÇÃO

O início do deslocamento das comitivas se dá a partir das 22h da noite da segunda-feira, 24, saindo do Parque Leão em direção à Esplanada dos Ministérios. A terça-feira, 25, em Brasília será toda dedicada ao movimento em Prol da Vaquejada Legal com início às 08h com a Missa do Vaqueiro. Em seguida haverá Ato Público em frente ao Congresso Nacional. Vaqueiros vestidos com trajes típicos e os manifestantes em geral receberão a benção na catedral de Brasília ao meio dia. Por volta das 17h os manifestantes retornarão ao Congresso Nacional para a grande cavalgada. Às 18h artistas vão interpretar a Ave Maria em homenagem aos Vaqueiros do Brasil e logo após artistas musicais se apresentam em apoio à Vaquejada Legal. O término das atividades está marcado para as 21h. Confirmaram presenças os artistas: Mano Walter, Luan Esticado, Tony Guerra, Rita de Cássia, Sirano, Adelmário Coelho, Joãozinho Aboiador, Luizinho de Irauçuba, Delmiro Barros e a Banda Mastruz com Leite.

quinta-feira, 20 de outubro de 2016

FIRME E RIL CONCEDEM ENTREVISTA NA RÁDIO TRANSAMÉRICA.

Participaram do Jornal Transamérica 2ª edição dessa terça-feira, 18 de outubro, os vereadores Firme do PT e Ril de Beto do PDT, avaliando a derrota sofrida nas eleições de 02 de outubro.
Na concepção de Firme, foram vários fatores que levaram o grupo a perder a eleição: a sigla partidária, o desgaste da administração municipal, assim como outros fatores como por exemplo a possível compra de votos, mas como não tem como provar, Firme, achou melhor não se aprofundar na discussão.
Outra citação que dever ser analisada pelo eleitor de Quixabeira, é quanto a colocação feita por Ril de Beto, candidato a vice, quanto ao número de eleitores, que segundo foi ventilado ultrapassaria os 70% determinado por lei, assunto também que deve ser discutido e avaliado pelas autoridades e representantes da política e sociedade civil organizada.
No geral, ambos vão continuar participando da política de Quixabeira, discutindo os problemas, cobrando da nova gestão e contribuindo para melhorar a qualidade de vida da população. Por fim agradeceram a todos que contribuíram para o sucesso da campanha, dita pelos dois como sendo a campanha mais bonita da história de Quixabeira, bem como um alerta para os eleitores do grupo de Reginaldo, prefeito eleito, que respeitem as pessoas. “Comemorem, mas não atinjam a vida das pessoas”, frisou Firme e Ril.
Vale citar ainda que ambos parabenizaram a vitória de Reginaldo e Dinho do Piloto, com reconhecimento também da derrota, sem lamentações nem intrigas, apenas analisando os pontos que contribuíram para a derrota do grupo liderado pelo prefeito Eliezer Costa, vencedor de duas eleições seguidas no munícipio, tendo como adversário o candidato eleito Reginaldo.
Texto e foto: Arnaldo Silva.

terça-feira, 4 de outubro de 2016

CARTA ABERTA AO POVO QUIXABEIRENSE

Amigos e amigas. Não logramos exitos em nossa eleição, mas Temos no coração e na mente, a certeza do dever cumprido, de uma campanha feita com honestidade, seriedade e lisura de princípios éticos e morais. E tenho principalmente, a esperança de continuar trabalhando por nosso querido município. Nesta oportunidade, venho agradecer aos 3270 eleitores que acreditaram e votaram em Firme e Ril. Quero também agradecer a todos que acompanharam esta luta: familiares, amigos, correligionários, militantes dos partidos da Coligação e eleitores que acreditaram em nossas propostas. Agradeço também aos candidatos a vereadores e vereadoras eleitos ou não que os ajudaram a divulgar nossas idéias e dos partidos coligados. Agradecemos ainda as centenas de mensagens e telefonemas recebidos, numa prova da confiança e da credibilidade em nossa atuação.
Esta é uma mensagem de esperança. Ainda temos muitos desafios pela frente. Apostamos em nossos ideais e acreditamos no nosso projeto.
Vamos em frente! A estrela brilha e continuará a brilhar para quem trabalha com honestidade.

O trabalho continua.
Fraterno Abraços!
Ril de Beto