quinta-feira, 26 de outubro de 2017

INSEGURANÇA: ROUBO DE MOTO E ARROMBAMENTO DE BAR CONFIRMA ONDA DE ASSALTOS EM QUIXABEIRA.

Resultado de imagem para ONDA DE ASSALTOS
Imagem ilustrativa
Em um intervalo de poucas horas, bandidos tomam moto por assalto e arrombam Bar no município de Quixabeira. Os casos aconteceram nesta quarta-feira (26),  na zona rural. 
De acordo com as informações colhidas pelo Blog do Ril de Beto, o primeiro caso ocorreu por volta das 17hs  quando um jovem que seguia de Quixabeira para o povoado de Alto do Capim, foi interceptado por dois indivíduos que estavam parado na estrada vicinal, na localidade conhecida como Parnaíba, há aproximadamente 3km de sede do município. Com revolveres nas mãos, eles tomaram uma moto pop, de cor vermelha, placa não informada. Ainda na ação, foi levado também o documento da moto que estava de posse do garoto. De acordo a vítima eles evadiram em direção à estrada que liga Quixabeira ao distrito de Jaboticaba. A moto pertencia ao tio que reside na comunidade quilombola de Alto do Capim.
O outro crime ocorreu durante à noite. Segundo informações, o Bar de Boré, que fica localizado na Fazenda Várzea das Éguas, há aproximadamente 2km do Povoado de Cova do Anjo, teve uma porta arrombado por elementos não identificados. De acordo os relatos os meliantes furtaram vários pertences, entre eles um aparelho de som, um celular, roteador e bebidas.
Os delitos desta quarta, somam-se a uma onda de assaltos e furtos que estão ocorrendo no município de Quixabeira, nos últimos dias. Vários casos já foram registrados no em um intervalo de aproximadamente 30 dias, o que estão deixando a população assustada. 
FATOS OCORRIDOS RECENTEMENTE NO MUNICÍPIO DE QUIXABEIRA
Assaltos na Farmácia Vilas Boas, Auto Posto Quixabeira, Supermercado Barbosa, Mercadinho de Baixa Grande, Roubos de moto e celulares em Cova do Anjo,  Roubo de de celular no Bairro Portelinha, além de arrombamento com furto numa residência no Bairro Umbuzeiro Branco.
A orientação da Polícia Militar é que todos os crimes sejam denunciados e registrados ocorrência na Delegacia de Polícia Militar.

Texto: Ril de Beto
Foto: Internet

Nenhum comentário:

Postar um comentário