terça-feira, 2 de janeiro de 2018

Policia Civil prende suspeito de mais de oito homicídios na região de Várzea da Roça





Uma operação da Polícia Civil, sob a coordenação do delegado Jaime Brito, prendeu  um homem de 18 anos, acusado de vários crimes na região de Várzea da Roça.
Após uma minuciosa investigação promovida pela equipe do delegado Jaime Brito, o desocupado Luciano Ferreira de Oliveira, 18 anos, conhecido como “Neném de Ventura”, foi detido no interior da residência de suas pais.
Em desfavor de “Neném de Ventura” havia um mandado de prisão em aberto pela morte de Adriano Moreira, conhecido como “Bolo”,  fato acorrido no dia 27 de setembro de 2017, na cidade de Mairi.
Segundo o Dr. Jaime Brito, Titular da Delegacia de Várzea da Roça, apesar da pouca idade, “Neném de Ventura”  está sendo investigado em relação a autoria  de pelo menos oito  homicídios na região de Várzea da Roça.
De acordo com o delegado, pela linha de investigação, tudo leva crer que os crimes foram praticados em função da disputa pelo tráfico de drogas, o que teria levado a uma briga de associações criminosas.
No momento da prisão, foi aprendido com ““Neném de Ventura”” um revólver calibre 38, estojos deflagrados, além de uma certa quantidade de droga e um balança de precisão.
O  Coordenador da 16ª Coorpin,  Dr. Eduardo Brito,  informa que uma força tarefa foi montada com a participação do DEPIN, DRACO,16ª Coorpin e PM, para dar apoio as investigações e intervenções nas unidades de São Jose do Jacuípe, Várzea da Roça, Mairi e Serrolândia, principal área de atuação desta associação criminosa que teve mais essa baixa com a prisão de “Neném” e a morte de outros membros da quadrilha.
Por medida de segurança, “Neném de Ventura” permanece preso no Complexo Policial de Jacobina à disposição da Justiça da Comarca de Mairi.

Fonte: Notícia Livre

Nenhum comentário:

Postar um comentário