domingo, 17 de fevereiro de 2019

'Preciso pedir desculpas ao Brasil por ter viabilizado Bolsonaro', diz Bebianno

'Preciso pedir desculpas ao Brasil por ter viabilizado Bolsonaro', diz Bebianno
Foto: Marcos Corrêa / PR
Principal alvo da crise política instalada no governo federal nos últimos dias, o ainda ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Gustavo Bebianno, fez um desabafo a interlocutores e demonstrou arrependimento por ter trabalhado para a eleição do presidente Jair Bolsonaro (PSL).

"Preciso pedir desculpas ao Brasil por ter viabilizado a candidatura de Bolsonaro. Nunca imaginei que ele seria um presidente tão fraco", declarou Bebianno a um aliado. A informação é do Blog do Camarotti, do G1. LEIA MAIS

De acordo com a publicação, a fala de Bebianno foi dita em referência à influência que os filhos do presidente exercem na condução de seu governo. Nessas conversas, Bebianno também demonstrou preocupação com o efeito do protagonismo da família nas decisões que dizem respeito ao país.

O ministro, que presidia o Partido Social Liberal no período da eleição, foi implicado com a suspeita de uma candidatura "laranja" em Pernambuco (saiba mais aqui). Com isso, depois de declarar a imprensa que estava tudo bem entre ele e o presidente da República, o segundo filho do capitão, o vereador Carlos Bolsonaro (PSL-RJ), foi ao Twitter desmenti-lo (veja aqui). Mais tarde, o pai compartilhou a postagem na rede social e disse, em entrevista à Rede Record, que se comprovadas as irregularidades, Bebianno voltaria às origens.

Nenhum comentário:

Postar um comentário