sexta-feira, 7 de junho de 2019

Nesta sexta-feira, 7, às 06:00hrs, deu-se início a Operação São João Limpo, que, após trabalho de investigação e levantamento de informações pelas Delegacia Territorial de Irecê e a Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes, as Autoridades Policiais representaram pelo mandado de busca e apreensão, sendo a medida deferida e então deflagrada a supracitada operação na região de Irecê, no sertão baiano. Leia mais 

A operação contou com a participação de diversos Delegados, investigadores e escrivães lotados na 14ª Coorpin, juntamente com guarnições da Cipe Semiárido, CETO e Rondesp. Foram cumpridos 07 mandados busca e apreensão pelas forças de segurança e obtidos os seguintes resultados:

 Foram conduzidos 06 alvos, sendo todos trazidos para esta unidade policial e qualificados.
 O alvo Erisvaldo Pereira, conhecido como “Lego”, no momento do cumprimento do mandado de busca, Lego desferiu tiros em direção às equipes, momento que depois da injusta agressão, houve o revide, sendo encontrado com Lego um revólver, calibre .38 Especial, numeração especial. Lego foi atingido e logo em seguida foi prestado socorro. No entanto, infelizmente o mesmo veio a óbito. Lego, responde por diversos crimes nesta cidade, sendo bastante conhecido e temido nos bairros Fundação Bradesco e Morro do Urubu. Ademais, “Lego” é apontado como um dos integrantes da facção criminosa intitulada MDU, tendo como líderes os seus sobrinhos Bê e Momó.

Por fim, a operação São João limpo contou com a presença de aproximadamente 60 policiais civis e militares, objetivando o combate a criminalidade na cidade de Irecê.


Fonte: Polícia Civil -1ªDT-Irecê e DTE/DRACO

Nenhum comentário:

Postar um comentário