domingo, 7 de julho de 2019

Não houve ordem de parada, houve uma emboscada, diz cantora da Sala de Reboco em entrevista a Rede Record

20190706_173257A cantora Joelma Rios, da "Banda Sala de Reboco", disse em entrevista a Rede Record no fim da tarde deste sábado, 06/07, que ao contrário do que estão afirmando, o veículo em que os componentes da banda não furou duas blitzes nem desobedeceu ordem de parada. Leia mais


A cantora afirmou também que em nenhum momento havia como eles saberem que o carro que perseguia eles era uma viatura, pois estava com o giroflex desligado, não houve nenhum sinal de luz nem de som. " Estávamos voltando de uma confraternização em Lapão e em determinado trecho da estrada vimos apenas um carro se aproximando por trás com os faróis baixos. Então o motorista tentou se desvencilhar da perseguição, e quando entramos em uma rua de Irecê havia um bloqueio da polícia e eles já foram atirando. Aquilo não foi blitz, foi uma emboscada, disse a cantora, que recamou também que em nenhum momento após a tragédia que tirou a vida de Gabriela Moura, sua colega dançarina, os componentes receberam apoio do estado. 

Fonte: Bahia Acontece

Nenhum comentário:

Postar um comentário