sexta-feira, 7 de fevereiro de 2020

Internautas acusam apresentador da Globo de racismo; veja vídeo

a7
O apresentador do Bom Dia São Paulo, Rodrigo Bocardi, está sendo acusado de racismo por internautas após perguntar para um rapaz negro se ele era catador de bolinhas de tênis no Clube Pinheiros, na capital paulista. O caso ocorreu durante entrevista realizada na manhã desta sexta-feira (7). LEIA MAIS 

“O Leoneol vai pegar bolinha lá no Pinheiros?” perguntou, Bocardi. O rapaz respondeu que é atleta de Polo Aquático do tradicional clube paulistano. “E eu tava achando que eram meus parceiros que me ajudam nas partidas”, disse o apresentador.

Mas, nas redes sociais, os telespectadores não reagiram bem. Muitos entenderam que Bocardi só achou que o rapaz era gandula por ele ser negro e estar numa linha da zona leste de São Paulo, que tem muitos bairros de classe baixa.

“Gente do céu. O Rodrigo Bocardi foi muito racista agora no #BDSP ele achou que o menino por ser negro era gandula sendo que era atleta” comentou uma internauta. “Que fora hein, Rodrigo Bocardi, já julgando o atleta do Pinheiros como catador de bolinha de tênis ” comentou outra.

Após a grande repercussão na web, o apresentador se pronunciou no fim do Jornal e reafirmou que não houve preconceito.

“Gente, queria aproveitar a oportunidade. Não vamos fazer disso uma grande história sobre o rapaz do polo aquático. Eu fui pela camiseta dele perguntar se ele pega bolinha na maior inocência. Assim como eu jogo e sou querido por v r vários garotos que estão ali comigo todo dia. Existem brancos, negros, de tudo quanto é tipo” falou, Bocardi.

Fonte: Varela Noticias

Nenhum comentário:

Postar um comentário