terça-feira, 24 de março de 2020

Capim Grosso: Muitos comerciantes não respeitaram o Decreto Municipal e feira livre tem grande circulação

Após a gestão municipal se reunir com setores da sociedade Civil Organizada e decidir por fechamento parcial do comércio de Capim Grosso e a feira livre no último domingo, 22. Através do decreto Nº 045/2020, a equipe do FR Notícias verificou como se comportou o comércio local, se obedeceu ou não a orientação da gestão municipal. Leia mais 

Na feira livre de Capim Grosso muitas barracas de verduras seguiram normalmente suas atividades e havia muitas pessoas circulando nessas barracas que podem ser um dos maiores fatores de transmissão do vírus.

Alguns comércios que deveriam estar fechados, como lojas de roupas, móveis, bares e materiais de construção abriram seus estabelecimentos nesta segunda-feira, 23 de março.
Há uma grande preocupação das autoridades sanitárias em relação a pessoas que estão reunindo familiares e amigos para fazer churrasco em chácaras, sítios e residências, com um grande número de aglomeração de pessoas que não estão tendo o devido cuidado.

Outra preocupação são os bares mais afastados do centro, no último domingo, 22, a equipe de reportagem do FR Notícias percorreu vários bairros e percebeu bares lotados, descumprindo as orientações para evitar a transmissão do coronavírus.
Em supermercados muitos ainda não adotaram as medidas de segurança, em permitir apenas a circulação de no máximo 10 pessoas por vez. Nos bancos haviam filas, mas muitos estavam respeitando a distância determinada para evitar o contágio.
O momento exige a colaboração de todos, evite aglomeração, lave as mãos e fiquem casa, saia somente para buscar o essencial, juntos venceremos esse vírus.

Redação FR Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário