O Brecheiro Notícias obteve acesso a um vídeo que está circulando nas redes sociais sobre uma agressão a uma mulher em frente ao bar 'Boteco do Mitiê', em Jacobina. De acordo com informações passadas à nossa redação, a agressão teria ocorrido na noite do domingo, 1° de março, porém só agora as imagens foram divulgadas. Leia +

O vídeo (assista abaixo) mostra uma jovem que seria funcionária do próprio 'Boteco do Mitiê', sendo agredida pelo empresário, dono do estabelecimento, identificado como Silas. Ainda segundo apurou o Jacobina Notícias, Silas teria fechado o ambiente e continuou com seus colaboradores na lateral da empresa, batendo um papo e ingerindo bebidas, quando houve um desentendimento com a vítima. Como pode ser visto nas imagens, algumas pessoas ainda tentaram apaziguar a situação, impedir que houvesse a agressão, porém, descontrolado, Silas avança em direção à mulher e a agride com um tapa no rosto.

Nas redes há uma grande manifestação por parte dos internautas, recriminando a agressão. O Brecheiro Notícias tentou contato com a vítima. Ela disse que "estava no sepultamento do pai de seu filho em Salvador" e que no retorno a Jacobina falaria com o portal. A reportagem também tentou falar com Silas, mas, sem sucesso. A assessoria do empresário disse ao Jacobina Notícias que "em breve mandaria uma nota oficial relatando o ocorrido". O nome da vítima foi preservado pela reportagem.

Violência contra mulher em Jacobina

O Brecheiro Notícias levantou que 938 agressões contra mulheres foram registradas em Jacobina no ano de 2019. De acordo com o CRAM - Centro de Referência de Atendimento à Mulher, esses números são ainda maiores, por haver ainda muitas vítimas que não registram as agressões, sejam elas físicas ou psicológicas.

A cada hora, 536 mulheres são agredidas no Brasil. Muitas são vítimas de seus próprios companheiros e, por dependerem financeiramente deles, não conseguem se livrar do ciclo da violência doméstica – que leva cerca de 13 mulheres à morte todos os dias no país.




Fonte: Jacobina Notícias