segunda-feira, 22 de junho de 2020

24ª CIPM: Prende indivíduo por violência doméstica, ameaça e posse ilegal de arma de fogo em Umburanas

Na noite deste sábado, 20 de junho, Policiais Militares do Destacamento de Polícia Militar em Umburanas, foram solicitados por uma mulher de 24 anos de idade, a qual passou a informar que fora agredida fisicamente pelo seu ex-marido e que estava com hematomas por todo corpo. Leia +

Diante das informações colhidas, os Policiais foram até o encontro da denunciante, onde foi constatada a veracidade dos fatos. A vítima, além dos hematomas, percebeu-se que também possuía sangramentos pelo corpo. Momento em que a vítima passou a informar que o acusado, após das agressões, empreendeu fuga a ameaçando contra sua própria vida. E que estas ameaças eram recorrentes sempre com uma arma em punho.


Diligências foram empreendidas pelos Policiais onde, na mesma noite, o acusado, um indivíduo de 36 anos de idade, fora alcançado em sua residência, o qual abriu a porta e de imediato, abordado. Ao ser questionado se possuía uma arma, o mesmo não negou e a entregou para os Policiais. Tratava-se de uma arma de fogo do tipo Espingarda de calibre 32, cano curto, adaptada para munição de calibre 38.

Ao acusado fora dada voz de prisão e, juntamente com a arma de fogo e a vítima, foram apresentados na sede da 16ª COORPIM onde se procedeu com a lavratura dos Flagrantes Delitos.

“Parabenizo os Policiais Militares nesta eficiente ação, evitando assim um possível crime contra a vida humana. A Polícia Militar sempre estará de prontidão para Servir e Proteger.” Disse o Major PM Flailton Oliveira, Comandante da 24ª CIPM.

"PM E COMUNIDADE NA CORRENTE DO BEM"

Jacobina, 21 de junho de 2020.
Vitor Costa - Subtenente PM
Chefe do Setor de Comunicação Social da 24ª CIPM

Nenhum comentário:

Postar um comentário