quarta-feira, 21 de abril de 2021

Mistério: Bombeiros seguem com buscas por menino de 11 anos que sumiu em Itiúba

O menino Davi Lima Silva, de 11 anos, segue desaparecido, após sair da casa de uma tia, no dia 28 de março, em Itiúba, na região sisaleira da Bahia. A informação é do Corpo de Bombeiros, que atua na operação para encontrar a criança.

Quatro dias depois, as buscas por Davi tinham sido encerradas por decisão das forças de salvamento que atuavam no caso. Entretanto, as ações foram retomadas no dia 3 de abril e seguem sem desfecho.

Em entrevista ao G1, o tenente-coronel Tarcísio Ribeiro, comandante do 9ºGBM, contou que todas as possibilidades de encontrar e resgatar o menino já foram tentadas e não houve sucesso. Agora, a equipe refaz os mesmos passos para tentar encontrar Davi.

“As forças estão aqui, todos os dias o Corpo de Bombeiros está presente, tem um capitão à frente, mas infelizmente chegamos à exaustão com relação a encontrar essa criança”, disse.

As buscas já contaram com o apoio de brigadistas, policiais militares e civis, além de voluntários. Também já foram usados um helicóptero do Graer, drone e até cães farejadores.

“Apesar das intensificações desses órgãos juntos, chegou-se à conclusão que é um caso de polícia. Por isso que, hoje, apenas os Bombeiros continuam as buscas. E quem entrou no cenário também foi a Polícia Civil para fazer a investigação, que instaurou o inquérito. Há uma suposição de rapto, de um sequestro”, contou o tenente-coronel.

O G1 disse que entrou em contato com a Polícia Civil e aguarda posicionamento sobreo caso.

O tenente-coronel informou que o local onde Davi é procurado é considerado de difícil acesso.

“A área é de difícil acesso, são serras cheias de pedras, muitos espinhos, cactos, enfestada de cobras peçonhentas, cascavel. É muito difícil o acesso, uma área de montanha, morros”.

 

Mistério

Davi foi visto pela última vez no dia 28 de março, após sair da casa de uma tia em direção à residência da avó. Os imóveis são próximos um do outro e, segundo os familiares, o menino fazia o percurso com frequência.

De acordo com a tia do garoto, no dia do desaparecimento, ele estava muito agitado. Davi estava usando uma camisa de cor cinza e um short estampado no dia em que desapareceu.

Ainda segundo a família, um vizinho informou que ele seguiu em direção a uma serra próxima ao povoado, mas desde então não há informações sobre o garoto.

Familiares disseram que uma pessoa teria ouvido gritos de socorro em uma região de mata, na localidade de Laje da Cruz, também em Itiúba. Mas, como ela não sabia que alguém na área estava desaparecido, não foi averiguar.

 

Fonte: G1 

Nenhum comentário:

Postar um comentário